quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

Ano novo, Vida nova - parte II

Ano novo, vida nova! Pois é, quem nunca ouviu essa frase? E mais, quem já não fez "n" promessas para um ano que começa? Algumas nós cumprimos, a maioria se perde, mas todas já valem por termos a intenção de melhorar algo em nossas vidas ou na vida dos outros. E por falar em "melhorar vidas", que bênção quando conseguimos realizar sonhos e de quebra fazer "n" pessoas felizes. Sim, falo do Téo, esse anjinho que trouxe muito amor para nossa casa e nossa família.

Lembro que há alguns anos atrás, quando ainda tinha tempo para escrever mensagens de próprio punho para enviar aos amigos no final do ano, declarei o meu mais profundo desejo de vir a ser pai um dia. Desejo realizado, alguém pode me perguntar: "E aí? Era como tu havia imaginado???". Respondo nesse meu monólogo de pai bobo: "Não, é muito, mas muito melhor do que eu poderia imaginar".

Ver o Teodoro me abrindo os braços e lançando um sorrisão de derreter o coração mais gelado da face da terra quando chego do serviço, não tem preço. Trocar fraldas; acordar a noite para atendê-lo as 3h da madrugada e receber um sorrisão de "obrigado pai"; vê-lo brincando na água com os bichinhos mega-barulhentos ou simplesmente entrar no banheiro para escovar os dentes e ver os bichinhos reunidos ao lado da pia enquanto seu anjinho dorme; vê-lo aprender com cada novo gesto, cada nova expressão; vê-lo se atirar no colo da mamãe gritando "ma-ma" quando ela chega do serviço; vê-lo te seguir engatinhando pela casa feliz da vida por estar se movendo sozinho; vê-lo colocar todos os objetos possíveis e imagináveis na boca, nada disso tem preço.  Sentir o significado da palavra "confiança", quando ele dorme com a cabeça escorada no seu ombro, simplesmente "jogado"; vê-lo apontando para todas as árvores de Natal do supermercado gritando "Lá- lá - glein glein"; vê-lo esparramar-se pela cama; ver os meus traços já aflorando na sua personalidade, meu Deus, o guri até espirra como eu!!! Nada disso tem um preço. Vê-lo fazer carinho na mamãe para dormir; vê-lo parar de "papar" para dar um beijo suspirando "nhaaaaaa" e logo depois seguir "papando"; vê-lo crescendo como desde o início planejavamos: cercado de amor e sabendo-se amado. Nada disso tem preço. O Teodoro e a mãe dele, só me fazem querer uma única coisa para 2011: mais do mesmo.

Como dizia o cartão de natal com a foto do Téo, que pode ser visto alguns posts abaixo e que distribuimos para os familiares: "Nossa união, que o destino se encarregou de iluminar, se justificou divinamente com a chegada do Teodoro. Muita luz para você também nesse Natal."

Um abraço de obrigado a todos os que acompanham esse blog. Desejo-lhes excelentes festas e que a vida de vocês, não tenha preço em 2011 ;o)

Cris. Marido da Sherol e pai do Téo.

Ano novo, vida nova: dessa vez de verdade!!

Vida muuuuiiiiito nova a minha!

2010 pra mim foi repleto de descobertas e novidades, ser mãe me trouxe uma luz que deixou tudo ao redor pouco importante: trânsito? trem lotado? chefe mau-humorado? bater o dedo do pé na quina da cama? Tirei tudo de letra! Bastava olhar pro lado e lá estava o meu príncipe, mandando em minha direção muitas vibrações de amor com o olhar!

Só tenho coisas pra agradecer nesse final de ano:

Meu filhão é lindo e tem saúde.
Tenho muito leite pra ele.
Temos uma casa nova, com espaço pra ele engatinhar e em breve andar.
Continuo empregada (e fazendo o que gosto).
Meu marido continua empregado.
Tenho minha família por perto sempre.
Tenho o homem que eu amo ao meu lado (de verdade).

Será que eu preciso de mais alguma coisa pra 2011?

Acho que vou pedir que mais pessoas no mundo possam sentir essa felicidade que eu sinto, que mais mulheres possam se sentir plenas ao serem mães, que possam criar seus filhos com saúde e amor.

Ah! E vou pedir um pouco de grana também, porque mal não faz né?!


Muita luz pra todo mundo em 2011!!!

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

O Natal agora tem mais graça!

Festa Cristã ou Invenção do capitalismo?

E daí?

O Natal pra mim é lindo desde a chegada do pequeno Teodoro!!!


FELIZ NATAL!!!

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Livros para o Téo!


Há um mês atrás, aprox., ouvi uma chamada na rádio da Fundação Itaú Social sobre uma campanha de distribuição de livros infantis, entrei no site e pedi meu kit. Até já tinha esquecido disso e ontem recebi os benditos livrinhos!!!

São quatro exemplares e um adesivo para o carro. Nem li ainda, só abri o envelope e folhei rapidamente, mas fica a dica! Amanhã dou uma lida e tiro uma fotinho pra pôr aqui!

Quer pedir também? Acessa www.itau.com.br/lerfazcrescer

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Então é Natal!!!

Amigos e Amigas!!

O ano já está acabando e sinto que devo muitas coisas aqui para o blog. Explico: o mês de novembro foi um mês muito intenso na vida do Teodoro! Apareceram os dentes pra valer, a primeira febre e o auge: ele aprendeu a engatinhar!!!!!!

Devo dizer que é a coisa mais linda do mundo ver meu filhote engatinhando pela casa, me seguindo pelos cômodos!! Tentei fazer alguns vídeos e fotos, em breve vou atualizar tudo por aqui!

Pra tentar me desculpar pela "falta de notícias" segue um "aperitivo" das fotos de Natal que fizemos com o Teodoro. O fotógrafo foi o Anderson Xavier, dedicado e criativo como sempre!

Apelidei carinhosamente o ensaio de "Mata-Vovó", afinal será que o coração delas resiste?


terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Mães do Milênio

Um certo tempo atrás, as gurias da Rede Mulher e Mãe perguntaram via twitter se tinham muitas mães tatooadas na rede, pediram fotos e eu, é claro, colaborei!!!

Muita correria se passou que eu nem vi o post no blog!!

Saiu com o título "Mães do Milênio - essa é a nossa cara" e eu achei o máximo, sente o texto:

"Mães antenadas, internéticas, jovens, multimídias, que giram vários pratinhos ao mesmo tempo como equilibristas chineses, carinhosas, atenciosas, que dão conta do marido, dos filhos, do trabalho, da cólica, da tpm, do pet, da roupa manchada, dos refluxos, que arrumam tempo para trocar de esmalte, fazer uma comidinha especial e ainda entrar na internet pra ver as novidades, saber das fofocas das amigas e ainda fazer novas amigas.

Somos as Mães do Milênio! E esse mural é para celebrar essa nova geração de mães!"

Minha fato é só da tatoo, de costas, perto do cós de uma calça jeans, nem vai dar pra notar hehehehe

Mas amei participar!!! O próximo passo é a tatuar o nome do Téo, só ainda não decidi aonde, aceito sugestões ;-)

E começo a pensar que sim, eu sou uma Mãe do Milênio!!!!

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Ser feliz!!!

Oi Gente,

Ontem pelo twitter as gurias da Rede Mulher e Mãe (mais especificamente a ^Calu no @redemulheremae) desafiaram as mães a assistirem esse vídeo sem chorar. Bueno, eu não consegui!

Tudo bem ser uma propaganda da Coca-Cola, afinal não me convenceu a me encher desse troço, mas no dia em que meu filhão completou 9 meses iluminando minha vida foi de derreter!!

Divirta-se e....



quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

9 meses de muita alegria!!

Oi Gente,

Hoje é "mêsversário" do nosso amado Teodoro, várias coisas aconteceram nesse último mês e não tive nem tempo de postar aqui, teve febre, ganhou dois dentes, comeu bolacha pela primeira vez, aprendeu a engatinhar, nossa quanta coisa!!! Além disso, quero relatar aqui nossas andanças na escolha da escolinha.

Pretendo atualizar aqui assim que for possível, por hoje fiquem com a foto da primeira vez que ele comeu uma bolachinha sozinho!!!

Coisa mais linda!!!!

sábado, 6 de novembro de 2010

Febre, e agora???

Oi Gente,

Na semana "retrasada" o Teodoro teve febre. Foi a primeira vez e como toda estreia foi tensa.
Começou na terça a tarde, a Michele, babá do Téo, avisou que ele tava meio quentinho e que deu paracetamol pra ele. Quando eu cheguei em casa ele continuava febril, com temperatura entre 38°C e 39°C, e assim ficou toda a noite. Demos banho e paracetamol e não baixava. Perto da meia-noite decidimos levá-lo no plantão, afinal, pagamos plano de saúde pra quê?! Levamos lá pra ver se a febre era sintoma de alguma coisa mais séria.

A pediatra que atendeu ele no plantão era um cavalo! Por pouco não tirei o Téo da maca, dei um soco no meio da cara dela e saí correndo! Apesar de meio enjoadinho por causa da febre o Teodoro não faz escândalo pra ser examinado, e ela pediu pra segurar os dois braços dele acima da cabeça para poder ver a garganta. ÓBVIO que ele reclamou, até eu reclamaria! É como se alguém te pedisse pra plantar uma bananeira pra examinar teu pescoço! Um horror!

Tirando esse "pequeno" percalço foi bom saber que ele não tinha nada mais "grave", garganta ok, pulmão ok e ouvidos ok.

Na manhã seguinte liguei para o Ruy para ter mais orientações, como sempre, ele foi super atencioso e pediu que ficassémos de olho na febre, dando sempre que possível uns banhinhos nele e seguir com o anti-térmico.

Não dormi direito a noite e não fui trabalhar na manhã seguinte, mas correu tudo bem, foi só ansiedade da estreia mesmo....

Mas porque a febre?

O Ruy diz que dentes "somente" não causam febre, mas o fato é que coincidiu a febre com o nascimento do dente (essa coincidência, segundo o Ruy se dá porque o organismo "reage" àquele dente), e como tem vááários dentes pela frente temos que aprender a lidar com a febre, né?

Alguns links sobre febre e dentes que achei bem legais:


http://brasil.babycenter.com/baby/saude/febre/


http://brasil.babycenter.com/baby/desenvolvimento/dentes/

51 abraços carinhosos!!!

Gente Amiga,

Gostaríamos de agradecer muito a todos aqueles que dedicaram longos minutos para votarem no Teodoro!

Ele não chegou até a final do mês de novembro, mas os 51 votos que recebeu pra nós foram como 51 abraços carinhosos de nossos amigos!!!


Muito obrigada mesmo!!!

Quem sabe ele não entra no calendário de 2012???

Abraço a todos e obrigada mais uma vez!!!

terça-feira, 26 de outubro de 2010

Teodoro Bebê Johnsons 2011!!!

Oi Gente,

Estamos em campanha para o nosso filhote Teodoro ser "reconhecido" como um bebê lindo!!!!

Por isso estamos participando da promoção Bebê Johnson's!!!



São dois prêmios, um carro e a participação do pequeno Téo no calendário da marca no próximo ano.

Para votar siga os passos a seguir:

1) Acesse o site da promoção no link do Téo:
ou na imagem da promoção na margem esquerda do Blog

2) Ao lado da foto dele tem um botão "Votar neste", clique e preencha o cadastro.

3) Após preencher o cadastro será enviado ao seu e-mail uma confirmação de voto.

4) Confirme o voto no link enviado pelo site e pronto!!

5) Guarde a senha para votar no dia seguinte, uma vez cadastrado é possível votar uma vez por dia!!

Temos apenas uma semana para fazer mil votos, por isso pedimos a todos que votem uma vez por dia no Teodoro.

Salve o link do Téo nos favoritos e vote todo dia!!!!

Muito obrigada!!!
Bjs, Sherol, Cristiano e Teodoro



terça-feira, 19 de outubro de 2010

O primeiro dente!!!

Gente, tô emocionada: já se faz notar na boquinha amada do meu filhote seu primeiro dente!!!

O tempo passa muito, muito, muito rápido mesmo.

Lembro do dia em que ele nasceu como se fosse ontem e esse guri já tem até dente!!

Além do tempo passar rápido a vida da gente está cada vez mais corrida e maluca, quem viu primeiro a ponta do dente do Téo foi a Michele, a babá dele. Fazia uns dois dias que tinha me passado na "escovação" noturna dele, isso pra mim serviu como um puxão de orelha tb!

Tentamos tirar algumas fotos, mas o dente é tão, mas tão pequenino que não deu pra ver nas fotos. Então fica o registro! Em breve teremos aqui fotos do Teodoro dentuço!!!

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Dia das Crianças!!!

O primeiro dia das crianças do Teodoro foi marcado por várias programações, como sempre tivemos um findi bem agitado.

No sábado tiramos uma fotos com uma das vacas da Cow Parede!

Essa tava no Olaria, na Lima e Silva

Xii Pai.. que vaca estranha essa!!

No domingo ficamos em casa de bobeira e foi ótimo! Mas como não podia deixar de ser o Teodoro segue estrelando nossos vídeos, nesse ele mostra toda a sua habilidade basquetebolística!!! Notem: desde cedo ele usa as mãos para brincar com a bola, que fique registrado que é um "dom nato"!! kakakakaak


Na segunda, eu tava de folga então fomos no Museu da UFRGS, conferir a exposição Música, Ciência e Tecnologia, que aliás recomendo!!! O Teodoro curtiu bastante os instrumentos musicais, além de ter ficado lindo com aqueles fones de ouvido ;-)



Pra fechar com chave de ouro, na terça toda a família veio aqui em casa e ficamos curtindo um solzinho! êta vidão!!!! Dessa eu vou ficar devendo as fotos, o clima tava tão relax que deixamos as máquinas de lado...

Mas para fechar esse post fiz uma história em quadrinhos, estrelada obviamente pelo Teodoro. Vi as fotos que tiramos do presente que ele ganhou da dinda Desi e não resisti ;-)




FELIZ DIA DAS CRIANÇAS PARA TODOS NÓS!!! ;-)

quinta-feira, 7 de outubro de 2010

Téo nas Eleições 2010!!


Quase esqueço de mostrar aqui a participação do Teodoro no pleito desse ano. Sim, ele pode não ter idade ainda pra votar, mas já acompanhou todo o processo, assim ele já vai se acostumando com esse exercício de cidadania. ;-)

É claro que com a ressalva de que ele não pode contar pra ninguém o que viu em cada cabine de votação, afinal o voto é secreto!!! ;-)

Primeiro em Osório, com a Mamãe:


Ainda em Osório com a vovó Marta:

E para finalizar, devidamente slingado, em Canoas com o Papai:
É isso aí gente, lembre-se: votamos por nós e por nossos filhos! Pense nisso ;-)

terça-feira, 5 de outubro de 2010

Amamentar é difícil?

Na semana que passou o “universo” conspirou para que eu escrevesse um texto sobre amamentação. Na terça li no Blog do Bernardo, filhote lindo minha amiga Aline que nasceu a pouco mais de quinze dias, algumas inquietações postadas por ela sobre as dificuldades do início da amamentação, no dia seguinte recebi via twitter uma notícia de que a apresentadora Adriane Galisteu havia dado uma declaração dizendo que amamentar é um processo doloroso, que chegou a pensar em desistir; no dia seguinte (aí já na quinta) ouvindo o Ricardo Boechat na BandNews pela manhã escuto a seguinte notícia: “1 em cada 4 mães no Piauí declaram não saber amamentar”; na sexta recebi uma mensagem pelo grupo Parto Humanizado da Renata Fröhlich divulgando uma notícia sobre o poder protetor do leite materno. No sábado veio a decisão: preciso escrever algo no blog!!!!!

Já escrevi aqui no blog um post específico sobre amamentação (aqui), mas acho que não custa reforçar alguns pontos ...

Amamentar não é fácil. Isso é fato. É algo muito instintivo e sensorial, mas não é fácil.

Antes de mais nada é preciso que a mulher esteja confortável física e emocionalmente. A parte física geralmente tiramos de letra, mulheres são muito resistentes a dor (e em nome dos nossos filhos então nem se fala), o que pega é o emocional. Bobagens do tipo “leite é fraco” ou “pouco leite” tem um poder incrível sobre nossas mentes. Eu mesma, no auge do nervosismo por conta do peito empedrado comecei a pensar que o Teodoro não estava sendo alimentado a contento, mesmo que ele mamasse e dormisse como um anjo, bem satisfeito. Mais de uma vez meu marido e minha irmã precisaram me olhar nos olhos e dizer: “Não pira!”.

Ok, sabemos então que não é fácil, mas quando tu te descobriu grávida alguém te disse que seria fácil? Provavelmente não.

Então, olhando ao redor, para todos os desafios que você já superou, principalmente os "físicos, fisiológicos e biológicos" amamentar é muito mais uma felicidade do que uma dificuldade!!!

Apoio da família é ótimo, um pouco de "técnica" também ajuda, paciência é fundamental, persistência também. No início a gente fica um pouco sem jeito e cheia de incertezas, mas, ao fim e ao cabo, amamentar depende só de você.

Em outras palavras, as duas coisas essenciais para amamentar estão dentro de você: LEITE e AMOR. Muitas coisas podem ser ditas, muitas dicas podem ser dadas, MAS, vou insistir, somente o amor te fará superar qualquer dificuldade.

É por amor que superamos os desafios diários de ser mãe, é por amor que acordamos durante a madrugada só pra ver se o pitoco tá respirando, é por amor que nos aventuramos a pilotar a "Nave Mãe".

Então, depois de muito refletir sobre o tema penso que a única dica que posso dar para as mamães que estão tendo dificuldades para amamentar é: respire fundo, olhe para a carinha do seu pitoco e repita o mantra “Eu te amo” quantas vezes sejam necessárias para que a calma se restabeleça na sua mente. Experimente a calma e a serenidade que só o amor é capaz de te dar e amamente sem pressa. Você e seu filhote só têm a ganhar com isso.

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

bábábá bábábabába

Não entendeu o título desse post? Desculpe, mas está em "teodorês"!!!! kkkkkk

Conforme prometi, mostro aqui um vídeo do Teodoro exercitando suas habilidades linguísticas, ainda não sabemos exatamente o que ele está dizendo, esperamos que em breve ele possa falar em português!!!



Não é a coisa mais linda que tu já viu???? ;-)

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Será que ele falou Mamãe???

Oi Pessoal!!

Já faz algumas semanas que o Teodoro está exercitando suas habilidades linguísticas, passou do "cinema mudo" (só mexer a boca sem som) à palestra de blábláblá!!!! No sábado até consegui filmar um pouco desse papo todo (depois posto aqui...), mas o mais legal, ou melhor, o sensacional do final de semana foi constatar que ele já me chama!!! SIM, MEU FILHO ME CHAMA!!!

Não consegui filmar, ainda é uma coisa muito sutil, um "mã-mã-mã" uma vez ou outra, mas confesso que me encheu de alegria!!! Ficou mais claro que esse papo era comigo no domingo, quando fomos almoçar na casa da minha sogra, ele estava lá curtindo um colinho de vó e eu lá na cozinha, aí ela me chamou pra ouvir, e lá estava ele: "mã-mã-mã-mã-mã-mã-mã-mã-mã". Cheguei no quarto e ele se atirou (essa é outra habilidade que ele está aprimorando, erguer os braçinhos pra ganhar colinho...). LIN-DO!!!!!! SEN-SA-CI-O-NAAAALLLLLL!!!!

Sinceramente: tô adorando ser mãe!!! ;)

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Campanha Nacional de Trânsito


Pra marcar a Semana Nacional de Trânsito que iniciou no dia 18 e vai até 25 de setembro vamos colocar aqui uma sessão de fotos "encorajadoras": olhem só como o Téo fica lindo na cadeirinha!!!




Saiba mais sobre a campanha: http://www.eusoulegalnotransito.com.br
(nesse link têm os vídeos que passam na TV tb)


quinta-feira, 9 de setembro de 2010

1ª refeição "sólida"

Conforme prometido vou postar aqui o vídeo da primeira comida "sólida" do Téo, na verdade uma papa de mamão!!!

Aproveitamos o feriadão para começar a dar as papinhas pra ele, então no sábado (04/09) estávamos lá na casa da minha mãe que corujou horrores!!

Como era de se esperar ele fez careta, mas foi lindo!!! Percebam que leva apenas 4 minutos para que ele aprenda que tem que abrir a boca pra comer!!! Um sábio!!! kkkkk


quarta-feira, 8 de setembro de 2010

Segurança nos passeios: ÓBVIO (parte II)

Sim, o pai do Téo existe, e aparece por aqui de vez em quando (não por falta de vontade, apenas por falta de tempo hábil para postagens mesmo). Porém quando a discussão é calorosa como essa, me sinto na obrigação de deixar minha contribuição para o blog do Teozinho.

A questão é: nenhum ser vivo, jamais deveria andar num automóvel sem o cinto de segurança. Trabalho com segurança da informação e vejo que, assim como no mundo digital, no mundo real os problemas são os mesmos e se resumem a uma única palavra: USUÁRIO.

Vejo as empresas investindo milhares de reais para aplicar firewalls e suites de segurança no perímetro de suas redes, treinando seus colaboradores para terem o máximo de cuidado no uso de mensagens eletrônicas, etc (e aqui, me perdoem o papo chato de TI). Mas adivinha??? O usuário acaba de abrir um arquivo anexo de um remetente que ele desconhece, de uma mensagem a qual ele não estava esperando, de um idioma o qual ele não domina que veio com o assunto: "Enlarge your pennis now". E na ligação para o suporte ele nem imagina por que sua máquina ficou lenta de repente. De quem depende a segurança? De que adianta o investimento?

Transferindo esse pequeno drama do mundo empresarial para o trânsito nosso de cada dia, imagine que um problema de saúde pública foi detectado: morrem muitas pessoas em acidentes de trânsito, principalmente crianças. Então as empresas automobilísticas gastam fortunas em pesquisas e testes para densenvolver diversos equipamentos de segurança, como freios ABS (que nem todos podem ter), airbags (que nem todos podem ter), cintos de segurança (que todo o carro obrigatoriamente tem), entre outros acessórios. O governo então, obriga as pessoas a serem habilitadas para poderem transitar com seus veículos, incluindo procedimentos de segurança, mecânica e primeiros socorros (além das leis de trânsito, é claro), para que o usuário possa obter carteira de habilitação, mas adivinha??? O usuário, neste caso, o motorista, às vezes possui um único item de segurança no seu veículo que é o cinto, mas ele NÃO USA. Já a cadeirinha para os filhos, ELE TAMBÉM NÃO USA. Repito: De quem depende a segurança? De que adianta o investimento? De quem é a culpa?


Já existem assentos até para cachorros transitarem nos automóveis, o que se dirá então das crianças. O que mais me surpreende nessa falsa "polêmica" é que já vi por diversas vezes as pessoas em tom de lamento: "Pois é, agora é lei, têm que ter cadeirinha no carro, temos que providenciar uma né benhê?!". Ou seja, se não fosse lei??? Mas não, o surpreendente não é só esse pensamento, o surpreendente é que essas mesmas pessoas, zelam muito pelas suas crias nas mais diversas situações, evitando que elas peguem um resfriado, ou abrindo cadernetas de poupança para os pequenos usarem futuramente, por exemplo. Mas quando chega na questão "trânsito caótico e suicida", por algum motivo elas esquecem o papel de "protetores" e por uma razão que sinceramente desconheço, ignoram as estatísticas e passam a agir de maneira infundada no que se refere a segurança dos pequenos. A essas pessoas meus mais sinceros votos, para que seus filhos possam desfrutar dessa saúde ou dessa poupança futuramente, torço sinceramente para que eles cheguem lá, mesmo com sua atitude irresponsável. Acidentes acontecem, e não são raros. Mas poderíamos considerar um "acidente" uma criança voar pelo parabrisas de um automóvel, com todas as opções que temos para prover-lhes segurança? Tenho minhas dúvidas, mas tendo a achar que isso não é acidente e sim homicídio (notem que nem todo homicídio há a intenção de matar).

Há algumas semanas atrás, estávamos eu e a Sherol parados no sinal vermelho. Trajeto Porto Alegre - Canoas, final de tarde, cansados do trabalho, loucos para chegar em casa e encher as bochechas do Téo de beijos. Quando o sinal abriu para nós, cruzou na nossa frente numa velocidade considerável, um rapaz (aparentando lá uns 25 anos); ele com o cinto de segurança é claro, pois "ele não é bobo", com uma menina sentada no seu colo ao volante. Ela sem o cinto. No banco de trás, uma criatura que sabe-se lá era a mãe da criança ou não, não importa. Também não importa se ele era ou não o pai, pois sua atitude já diz muito sobre sua "paternidade". A grande questão é: se eu acelero naquele exato momento e acabo "causando" ou melhor, me envolvendo num grave acidente que levasse ao falecimento daquela menina, seria realmente isso um acidente? Indepedente da sua avaliação sobre este caso, pense nas duas situações, pense num pai que arriscou a vida da sua filha e perdeu, e pense na minha situação, voltando para casa tranquilamente, fazendo tudo como manda o figurino e poderia ter involuntariamente tirado a vida de uma inocente. Como eu poderia colocar a cabeça no travesseiro e dormir tranquilamente, independente de ter ou não culpa?!


A impressão que tenho é de que hoje, com a nova lei, aquele mesmo "pai" tem como pensamento: "Não vou usar a cadeirinha para proteger meu filho, vou usar a cadeirinha para não levar multa". Bom, só o que me resta é pedir encarecidamente: reflita sobre o que é mais importante para você, e procure rever suas atitudes no trânsito. Felizmente ou infelizmente, não estamos sozinhos nesse planeta, e para que o todo seja completo, você precisa também fazer a sua parte.

Na pior das hipóteses, avance o sinal vermelho bem longe lá de casa ;o)

sexta-feira, 3 de setembro de 2010

7ª consulta ao pediatra!

Bom gente, como de praxe, levamos o Téo ao pediatra nesta última semana e a grande novidade é a introdução de outros alimentos na dieta dele, chegou a hora da meleca!!! kkkkk

A primeira coisa a se comemorar é o peso e a altura do Téo: 7,780kg e 68cm. Tudo isso a base de muuuiiitttoooo leite!!!!

Quando voltei a trabalhar foi bem difícil manter o Teodoro só no leite materno e tivemos que recorrer ao NAN algumas vezes, mas passados 2 meses e analisando a quantidade de fórmula que ele teve que tomar me sinto vitoriosa! Não sei se contei aqui mas a Michele anota todas as mamadas do Téo, horário e quantidade, e eu passo tudo pro excel. Paranoia, né? hehehe Faço isso pra poder ver se ele tá tomando muito NAN e também pra tirar leite suficiente. Esse sistema ajudou a perceber que era imprescindível eu tirar leite durante o dia, por isso pedi para o tio da lancheria ao lado do meu trabalho para guardar o leite no freezer e tal...

Mas nas últimas semanas de fato eu não tava dando conta! O Téo chegou a mamar 800ml na minha ausência, meu recorde foi 700ml e não consigo essa marca todo dia... enfim... chegado o 6º mês está na hora de diversificar a dieta!!!

O MD Ruy passou as seguintes orientações:

* pra começar o Teodoro deverá fazer duas refeições: uma fruta no meio da manhã e almoço;
* junto com a fruta entra um suco também que pode ser de laranja (do céu de preferência, pois é menos ácida), cenoura e/ou mamão;
* ele listou as frutas: maçã, banana e mamão;
* na papa salgada podem entrar: arroz, batata, cenoura, chuchu, carne ou frango, sal, massa e moranga;
* na primeira semana oferecemos um tipo de fruta, troca na segunda e assim vai repetindo uma semana cada fruta pra poder "acostumar" (não lembro o termo que ele usou);
* a quantidade depende do "apetite" da criança, em geral são uns 30ml de suco, e a fruta começa com pequenos pedaços até chegar a uma unidade.

Os acessórios o Téo já tem! Tudo BPA free!! Tem colherinha macia e potinho, faltam apenas os potinhos de vidro pra papa salgada (vou comprar um marinex pequenos com tampa que vi nas Americanas ;)

Bom gente, agora é só esperar as cenas do próximo capítulo, vamos começar a nova dieta do Téo no final de semana e depois contamos aqui como foi!!!

Como sempre, além de consultar o pediatra eu dei uma fuçada na internet atrás de algumas coisas e indico aqui o site do Babycenter, que tem uma matéria sobre a introdução alimentos sólidos: http://brasil.babycenter.com/baby/introduzir-solidos/quando-introduzir/

quarta-feira, 1 de setembro de 2010

Segurança nos passeios: ÓBVIO!

Gente, hoje entra em vigor a lei que "obriga" o uso de cadeiras para o transporte de crianças em carros. Minha opinião é bastante "radical", pra mim o Governo está "legislando sobre o óbvio"...

Pra mim parece óbvio que temos que resguardar as nossas crianças nos passeios de carros, se eu, pessoa adulta e consciente sento no banco do carro e coloco o cinto, porque raios devo levar meu filho de pé, sem cinto no banco de trás? Porque a segurança vale pra mim e não pra ele?

Alguns me responderiam: porque no banco da frente é obrigatório! Dentro dessa perspectiva proteger uma criança não é obrigatório?

A polêmica está no ar, ouvindo a Band News FM esta manhã o excelente Ricardo Boechat lia algumas mensagens enviadas por ouvintes que reclamavam na falta de cadeirinhas no mercado. Reconheço que isso é um puta problema, mas aí tenho que ser chata mais uma vez: exceto para casos de quem tem filhos com menos de 2 meses, tempo em que a legislação foi anunciada, fica a pergunta: como tu levava teu filho no carro até agora? Foi preciso uma lei pra te mostrar o quanto a falta de um dispositivo de segurança é perigoso?

Outro comentário das mensagens era sobre o preço das ditas cadeirinhas que, por uma lei do capitalismo, estão muito mais caras agora. Mais uma vez o Boechat fez uma observação inteligente: quem pôde financiar um carro, pode financiar mais esse equipamento. Acho justo e concordo: quem tem carro é porque pôde no mínimo financiá-lo, se tem poder de compra suficiente para adquirir um bem da casa dos milhares de reais pode adquirir algo que fica na casa da centena....

Só para constar: nóss nunca, nem por um momento, levamos o Teodoro fora da cadeirinha para passear. Ele já saiu da maternidade sentadinho no bebê conforto.

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Téo no chuveiro!!!

Ontem (sábado) demos pela primeira vez um banho de chuveiro no Teodoro. Claro que não enfiamos o guri com tudo embaixo d'água, pois temos que cuidar os ouvidos nesse caso, mas foi uma experiência interessante, olha só a farra com o papai!!!
O Téo já tá grande demais para tomar banho de balde, ele quer ficar de pé e não rola... Na banheira a molhaçada no quarto tá grande porque ele aprendeu a bater na água com as mãozinhas. Então o chuveiro passou a ser uma boa opção...

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

Batizado do Téo!!!

No domingo passado (15/08) fizemos em nossa casa uma pequena cerimônia de batizado para o Teodoro. Aqueles que nos conhecem sabem que apesar de acreditarmos em Deus não nos filiamos a nenhuma religião, dessa forma, preferimos contar com a presença daqueles que amamos para abençoar nosso pimpolho.

(Antes de maiores constrangimentos devo explicar que muitas pessoas que amamos ficaram de fora da festa, mas pura e simplesmente por falta de espaço!!!)

Algumas pessoas nos questionaram sobre o porquê de não fazer o batismo "tradicional", na igreja Católica, argumentando que todo mundo faz assim, mesmo aqueles que não praticam a religião. Nossa resposta, como sempre, é bastante simples: respeito. Respeitamos a igreja Católica da mesma forma como respeitamos as demais religiões, e se não fazemos parte da comunidade católica, exercendo a religião dentro do que ela diz, não iremos até o templo "alheio" fazer teatro.

Eu, particularmente, me sentiria faltando com o respeito não só a instituição, mas com as pessoas que acreditam, frequentam e seguem os princípios e dogmas dela, subindo num altar e seguindo um ritual que não é "meu". Se fosse seguir a lógica de que "tudo bem, pode batizar que não dá nada" deveríamos fazê-lo na Igreja Universal, Quadrangular, Retangular, Oval e tantas outras.... Eu respeito a fé alheia, e só peço em troca o respeito a minha.

Como de praxe o Cris caprichou no rango e fez uma feijoada daquelas!!! Seguem as fotos do evento e também a mensagem que lemos para os presentes!!

"Bom dia a todos.

Gostaríamos primeiramente de agradecer a presença de cada um de vocês nessa manhã de domingo, para dar as boas vindas ao nosso amado filho. Obrigado.

O batizado é um ritual que, em todas as religiões, marca a entrada de um novo membro na comunidade, apresentando-o e pedindo proteção a Deus, geralmente nos seus templos religiosos. Nós acreditamos que quando nos propomos a batizar uma criança, estamos derramando sobre ela nossas bênçãos. Deus mora em cada um de nós e dessa forma todos somos templos e temos como altar, nossos corações. E são desses altares que enviamos nesse momento, as bênçãos para nosso pequeno Teodoro.

Acreditamos que a maior religião que possa existir é o amor, pois todo o amor, todo o ato de amar é divino e é do amor entre as pessoas que nasce a fé e a esperança de um mundo melhor.

Por isso, reunimos aqui as pessoas que amamos para abençoar, conhecer e acolher nosso pequeno Teodoro, pedindo a Deus sabedoria para que possamos criá-lo da melhor maneira possível, e principalmente para que cada um de nós, dos nossos altares, enviemos a ele nossa mais pura energia de amor e carinho.

A criança nasce pura, sem o conhecimento desse mundo que pode ser benevolente e cruel ao mesmo tempo e cabe principalmente a nós pais, criá-lo dando-lhe uma orientação do que acreditamos ser o correto, justo e sadio. A família, os amigos e principalmente aos padrinhos, que são também pais do Teodoro, esperamos que possam acolhê-lo da melhor forma possível, cuidando, educando e intercedendo por ele se nós, pais de sangue, por algum motivo não o pudermos mais fazer ou estivermos desatentos.

E como nosso objetivo é apresentá-lo a todos, salientamos aqui que o Teodoro é uma criança que veio ao mundo dócil e tranqüila, e em pouquíssimo tempo já trouxe muito amor a nossa casa. São características principais dele o bom humor matinal, acordando sempre com um sorriso de derreter corações, herdado da mamãe e um certo apreço pela “colação de bochechas”, por ser dengoso e gostar de um chamego como o papai. Além disso, o Teodoro é uma criança esperta, curiosa, linda, e graças a Deus, cercada de amor.

Gostaríamos de apresentar também aqueles que escolhemos para dividir conosco a alegria de acompanhar e guiar o crescimento do Teodoro, os padrinhos. A Claudia e o Eduardo, a Desirée e o Rick. Pedindo a eles que digam algumas palavras.

Reunimos aqui hoje, pessoas de diferentes religiões, e gostaríamos nesse próximo minuto de pedir, que cada um, independente da sua crença, em seu altar pessoal, fizesse uma oração.

Agradecemos novamente a presença de todos."

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

Vídeos do Teozinho

Bom, como os ilustres acompanhantes deste blog podem perceber, papai foi há muito ultrapassado no número de postagens pela mamãe, o que é claro, não significa que tenha dado menos importância ao nosso pequeno Téo ;o)

Creio que os acompanhantes desse blog também já tenham percebido o quanto gostamos do lado multimídia da vida (leia-se fotos e vídeos), e nada mais justo do que brindá-los com uma seleção de do nosso pequeno pimpolho gravada ao longo desses 5 meses e meio.

Confira então nosso pequeno artista em várias situações:

















E ainda têm muitos vídeos que não colocamos no Youtube, mas aguardem cenas dos próximos capítulos heheh.

segunda-feira, 9 de agosto de 2010

Aula de música!!!

Nesse último sábado o Teodoro participou da sua primeira aula de música.
Calma, gente... Nós não estamos loucos e matriculamos o Téo numa aula de piano clássico ou oboé!!!
Trata-se de uma aula de musicalização infantil num espaço cultural chamado Casa Elétrica, o projeto chama-se Pitocando:

"O principal objetivo desse projeto é a sensibilização da escuta, do movimento e do olhar através de atividades lúdico-educativas. As crianças vão sendo apresentadas ao universo artístico, trabalhando e descobrindo diferentes formas de expressão que passarão a habitar seu mundo. Dentre outros resultados, esse convívio divertido com as artes as auxiliará no seu desenvolvimento cognitivo, emocional e social."

A "aula" é o maior barato, tudo muito lúdico e leve. O Téo, pela pouca idade, pouco interagiu com os objetos, mas deu pra perceber que ele estava atento aos sons, a música, ao violão. Acho que vai ser um espaço legal.

Mais uma vez os pais bobos levaram a máquina fotográfica e se perderam babando em cima da cria e não tiraram uma fotinho sequer!!! Mas sábado que vem tem aula de novo e aí prometemos colocar aqui!

O projeto Pitocando tem várias subdivisões: Pitocando Bebê (de 0 a 1,5 ano), Pitocando Curumin (1,5 a 3 anos) e Pitocando Criança (3,5 a 10 anos), eles têm também um show, interessados podem acessar o myspace da galera: http://br.myspace.com/pitocando

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

6ª consulta ao Pediatra!!

Ontem (04/08) fomos ao consultório do MD Ruy para mais uma consulta de rotina. O Teodoro está muito bem, pesando 7,260kg e medindo 66cm! Um alívio para esse meu coraçãozinho de mãe-que-voltou-ao-trabalho!

Como já comentei aqui, a volta ao trabalho é sempre algo complicado, principalmente por conta da amamentação. O Teodoro fez 5 meses e continua se alimentando exclusivamente de leite materno, o Nan só entra em dias que a quantidade de leite que consigo deixar não é suficiente para a aplacar a fome do guri; o bom é que a quantidade de complemento tem sido cada vez menor pois consegui com o dono da lancheria aqui do trabalho que ele guardasse no freezer o leite que tiro no meio do dia (na semana que passou, p. ex, ele não tomou nenhuma gota).

Conversando sobre isso com o MD Ruy no consultório, ele disse que são poucas as mães que fazem isso: se esforçam para que o seus filhos mantenham a amamentação até os 6 meses mesmo trabalhando. Comentou (e lamentou) que na sua vivência de atendimento em posto de saúde muitas mães por conta da volta ao trabalho acabam desmamando seus filhotes as vezes com menos de 4 meses, principalmente aquelas que trabalham como autônomas (sem carteira assinada), e por serem filhos de famílias mais pobres acabam usando leite de vaca comum na substituição, o que aumenta a anemia das crianças e etc. É uma pena isso. É claro que em algumas famílias o leite materno acaba sendo a melhor opção por ser a única, mas é triste pensar que tem gente que precisa desmamar os pimpolhos tão cedo....

Como estamos vivendo a Semana Mundial de Amamentação recebi hoje por e-mail uma notícia correlata que me causou espanto, pra não dizer repúdio: tem gente que OPTA por desmamar cedo. A notícia em questão (aqui) se referia a uma declaração da top-das-tops Gisele Bündchen, que numa entrevista teria defendido uma “lei mundial” que obrigasse as mães a amamentar seus filhos por 6 meses, e fez isso provocada por uma declaração de uma tal de Denise Van Outen, “estrela de TV” americana, que felizmente é uma ilustre ninguém pra mim, que disse ter desistido de amamentar sua filha de menos de um mês de vida para não ser flagrada pelos papparazzi. "Eu deveria ter insistido mais do que 3 semanas, mas não posso ficar sentada no Starbucks dando de mamar, porque os fotógrafos estão tirando fotos". Sim, Egocêntrica, deveria ter no mínimo multiplicado esse tempo por 8!! PELO AMOR
DE DEUS!!! COMO TEM GENTE SEM NOÇÃO NESSE MUNDO!

Sei que existem “N” motivos para desmamar um bebê tão pequenino, mas simplesmente não tolero a DESCULPA ESFARRAPADA E EGOÍSTA!!! Chego a ter náuseas. Uma criatura que usa desculpas como essa ou “vai deixar meu peito caído”, “dá muito trabalho”, entre outras, deveria nascer estéril!!!

Olha gente, desde que voltei a trabalhar tenho ouvido de diferentes pessoas e de diferentes formas (diretamente ou surpreendidas pelo fato) o quanto eu sou “exceção” em manter a amamentação exclusiva depois da volta ao trabalho. Sinceramente nunca me senti fazendo algo “extraordinário”, pra mim a equação é bastante simples: o melhor para o Teodoro é mamar até os 6 meses + eu tenho leite = amamentação exclusiva até os 6 meses.

Não posso dizer que isso é uma coisa fácil, mas ser mãe nunca é nem nunca será uma coisa fácil. Mas foi uma escolha que eu fiz, e depois de ser mãe tenho que ter claro que TODAS as minhas escolhas, por menores que sejam, influenciam diretamente a vida de outro ser humano: o Teodoro. Por isso eu acordo com 3h de antecedência todos os dias para poder tirar leite pra deixar pra ele, carrego a bomba tira leite e pedi espaço no freezer da lancheria, adiei a volta as atividades físicas até que os horários das mamadas me permitam, optamos por ter uma babá e não levá-lo para a escolinha. Enfim, não me acho uma super mãe por fazer minha obrigação, e lamento que essa atitude tão básica seja tão rara entre as mamães....

No próximo mês o Téo já vai começar a comer umas frutinhas e mesmo assim seguiremos com a amamentação (com a vantagem de que o NAN vai cair fora definitivamente). Amamentar é mais do que a forma mais saudável de alimentar meu filho, É UM ATO DE AMOR!!!!


Olha essa carinha de satisfeito!! Não tem preço!!!!

terça-feira, 3 de agosto de 2010

5 meses de Teodoro!

Ontem nosso pitoco amado completou 5 meses de vida extra-uterina!! O tempo passa muito, mas muito rápido mesmo!
A cada dia é uma nova descoberta, um novo truque do Téo, no dia do aniversário consegui filmar algo que ele vinha treinando: pegar objetos! O mordedor ele já tá craque, e agora ele se superou e conseguiu "acertar" o móbile!
Dá uma olhada no vídeo, mira a concentração do moço!



Lindo demais!!!!

segunda-feira, 26 de julho de 2010

Dia da Vó!!!

Aproveitando que hoje é o dia da vó vou falar aqui sobre a minha mãe, que agora é vó.

Ser mãe e ser vó é muito diferente. Ponto. Isso é fato irrefutável. Mas a minha mãe especificamente "perdeu os cadernos" depois que o Teodoro nasceu!!!

Pra quem conhece a minha mãe a mudança é demasiadamente drástica! Ela sempre foi do tipo General, quando levava eu e a minha irmã numa pracinha, além de ser um milagre, a regra sempre foi "eu te empurro só uma vez". Isso mesmo, nós éramos uns tocos de gente, não sabíamos nos embalar no balanço, mas só podíamos contar com uma mísera embalada da mamãe. Dou risada sempre que imagino a cena: duas pitocas sentadas em balanços quase parados com olhos no horizonte... kakakakakak É isso aí, te vira se quiser brincar mais.
Com os sobrinhos e crianças agregadas a linha dura sempre prevaleceu. Com meus maninhos menores a coisa já foi um pouco melhor, ela até levava mais na pracinha, mas nada de brincadeiras.

Mas com o Teodoro já vi que a coisa vai ser moleza, o guri tem pouco mais que 4 meses e já manda nela! Ele não pode resmungar perto dela que deu, e ainda sobra pra mim: "Sherooooolllllll!!!!! O que será que ele quer???!!! Ai meu deus!! Dá mama pra ele!!!! Não deixa ele chorar!!!!" E pluft! Teodoro já ganhou um colinho de lambuja!!!

O pior é ver que meu pimpolho já percebeu o seu "poder de sedução" com a vovó e faz altos charminhos perto dela!!!

Aí vc me perguntaria: será que ela vai estragar o Teodoro?

Acho difícil!!! Na verdade já acontece o inverso: o Teodoro é que está estragando a minha mãe!!!! Todas as teorias dela sobre educação de crianças acabam de ir por terra!!!! kakakakakaka





De minha parte só posso dizer que fico muito feliz e realizada cada vez que vejo minha amada mãe com os olhos brilhando perto da minha cria. Me sinto realmente feliz em poder proporcionar isso a ela. Sou muito abençoada por ter a mãe que tenho, e agora divido essa bênção com o meu pimpolho ;-)

FELIZ DIA DA VÓ para todas as "mães com açúcar"!!!!

sábado, 19 de junho de 2010

Voltando ao médico....

Na última consulta ao pediatra o MD Ruy comentei aqui que ele receitou Berotec e mesmo contrariada iniciei o tratamento. MENTIRA! Devo confessar agora que foi mentira esfarrapada e que sigo sendo uma mula teimosa e nisso quem pagou o pato foi o Téo.

Explico: comecei o tratamento e quando o Téo deu uma melhoradinha achei por bem parar de dar o tal berotec. Erro. Grande erro. Ontem tive que levá-lo meio as pressas ao consultório, ele voltou a ter dificuldades para respirar e teve inclusive que fazer um raio-x do pulmão para verificar se não havia nada por lá.

O Ruy me garantiu que não tive culpa, que minha teimosia não influenciou. Agradeço a compaixão dele, mas não me convenço!!! (olha teimosia de novo aí gente!) Estou me sentindo a última das mães!!!

Resultado: voltamos com a tal nebulização e ainda por cima um outro remédio!!

Mas acho que isso me serviu como lição...

terça-feira, 15 de junho de 2010

Creche ou babá?

Creche ou babá?

Tudo que é bom dura pouco, por isso, já está no fim minha licença maternidade!

E com ele vem a dúvida: babá ou creche???

Sempre fui partidária da creche, ou melhor, escolinha ;-) mas iremos optar num primeiro momento pela babá. Será que já estou "amolecendo"? Abrindo mão dos meus "princípios"? Não e não, mas pesou nessa decisão alguns itens:

* amamentação: não abrimos mão da amamentação exclusiva até os 6 meses, e maioria das escolinhas não dão leite materno. Algo parcialmente compreensível porque não pode ser aquecido no microondas... Em casa poderei deixar o leite congelado e a babá poderá esquentar em banho-maria tranqüilamente.

* inverno! Trabalhamos em Porto Alegre e moramos em Canoas, teríamos que tirar o pimpolho do quentinho às 6 da madruga em pleno inverno gaúcho!!! Só que já amanheceu com o termômetro marcando 5°C sabe do que estou falando...

* indicação de uma pessoa de confiança. Ponto crucial!

Eu li (como sempre) um milhão de opiniões a esse respeito, inclusive um dos livros que já indicamos aqui (Criando meninos) indica que os guris deveriam ir pra escolinha somente aos 3 anos. Todas essas leituras e opiniões das mais diversas só me fizeram ter mais certeza de uma coisa: avaliar com o coração é a melhor opção!

No nosso caso, a combinação dos dois, digamos, “métodos” nos pareceu mais eficaz. (E uso a terceira pessoa sem medo de ser feliz: é uma decisão nossa mesmo, minha e do Cris, refletida em duas cabeças, o que me deixa cheia de orgulho da minha parca, mas existente, "maturidade" kakakaka). Contrataremos uma babá por tempo determinado, até que o Teodoro esteja mais velho e “fortalecido” em termos imunológicos. Pretendo tirar férias em janeiro, o plano é que a babá fique conosco até dezembro e depois das minhas férias o Téo já vá para uma escolinha. ele vai estar com 10 para 11 meses, provavelmente engatinhando e se alimentando com um cardápio mais variado.

No último sábado (11/06) entrevistamos uma guria indicada pela babá que cuida dos filhos da minha cunhada Cláudia. Ela se chama Michele e nos pareceu boa pessoa, tem experiência em cuidar de crianças, trabalhou em uma escolinha (daí a indicação) e numa casa. Combinamos com ela que deveria apenas cuidar do Téo e das coisas dele (roupa, quarto e etc) sem incluir o serviço da casa, até dezembro. E ela começa amanhã para que possamos fazer uma adaptação, pois eu só volto a trabalhar no dia 30. Serão pouco mais de 10 dias em que eu vou poder conhecer melhor a Michele e o Teodoro também ;-)

Respondendo, então, a pergunta que intitula esse post: Creche ou babá? OS DOIS!

No nosso caso foi a solução que nos pareceu mais adequada, e acredito que deva ser assim sempre: cada família decide o que fica melhor para si!

Na semana que vem conto como foi!

quarta-feira, 9 de junho de 2010

Lei da cadeirinha...

Hoje deveria entrar em vigor uma lei que sinceramente me causou certo estranhamento, ela prevê multa para quem não utilizar a cadeirinha para levar seu filho no carro.
Estranho pra mim é isso ser novidade para muitas pessoas. A gente vê muita criança viajando de pé no banco de trás, no colo no banco da frente, entre os bancos, e até no colo do motorista. Mas o cúmulo do absurdo é a lei ter de ser adiada por conta do corre-corre as lojas para comprar cadeirinhas e a falta delas no mercado!!!! Esses equipamentos são vendidos desde sempre, portanto, milhões de pessoas precisaram ser coagidas por força de lei para cuidar da segurança de seus próprios filhos!!! A-B-S-U-R-DO!!!

Da mesma maneira que não deixaria o Teodoro brincar com uma faca ou pular numa piscina olímpica, não levo ele no carro sem a cadeirinha. E não preciso de "multa" pra isso....

terça-feira, 8 de junho de 2010

Longe da mamãe...

Ontem, pela primeira vez saí e deixei leite para o Téo, fui ao treino na ESEF e ele ficou com o Cris, nem preciso dizer que o treino começava as 20h e deixei pra sair de casa no último minuto possível! E voltei voando pra casa!
Tirei leite e compramos copinhos plásticos pequenos (na falta dos de vidro) para que o Cris pudesse dar o leite pra ele. Mas porque copinho? A ideia é oferecer o mínimo possível bicos artificiais ao Téo, para que não corramos o risco de que ele estranhe o peito depois. Mas, nessa experiência descobrimos que o copinho não foi uma boa escolha, ele sente falta de sugar, até bebeu todo o leite, digamos que não passou fome, mas sentiu falta de sugar mesmo. O Cris disse que ele tomou o leite meio "magoado" heheheheh
E tudo isso foi um baita "azar" tb, porque agora a tarde chegaram as mamadeiras de vidro que encomendei!!! Alguns devem estar estranhando termos comprado mamadeiras se havíamos pedido para que não nos desse no chá de fraldas, então explico: optamos por mamadeiras BPA free, ou seja, livres de Bisfenol A.
Mas o que é isso?

O bisfenol é um substância química presente nos plásticos mais comuns para a fabricação de mamadeiras, o policarbonato, que segundo um estudo norte-americano causa danos à saúde dos bebês. Alguns paíse já proibiram a fabricação e venda de mamadeiras com bisfenol, afirmando que o bisfenol interfere no crescimento saudável e no bom funcionamento do organismo, além de causar danos aos sistemas neurológico, imunológico e reprodutor das crianças.

Essa contaminação aconteceria através do contato da substância presente nos recipientes plásticos com o leite e outros alimentos oferecidos ao bebê. O aquecimento das mamadeiras, a colocação de líquidos muito quentes, a presença de alimentos ácidos e a lavagem contínua com produtos de limpeza básica tem demonstrado aumentar, ainda mais, a taxa de liberação de bisfenol.

A primeira vista pode parecer paranóia, mas acredito que não custa prevenir. Além do mais as mamadeiras e outros acessórios BPA free não são tão mais caros que os comuns. Eu optei pela mamadeira de vidro da marca Dr. Browns que além de livre de bisfenol possui um sistema chamado Natural Flow que evita a formação de bolhas de ar na mamadeira reduzindo cólicas e "imitando" de certa forma o fluxo de leite do peito. Tudo isso pra que quando eu volte a trabalhar o Téo possa mamar na mamadeira e não "estranhar" o peito.

Essa é a mamadeira de vidro, comprei um kit com duas na Rozenlandia Baby, e comprei também as capas de silicone que ajudam a prevenir a quebra:

Aproveite a oferta e comprei uma da marca MAM, BPA free e que tb tem um sistema de redução de cólicas:


Estamos nos preparando para a volta da mamãe ao trabalho....



Sobre BPA nas mamadeiras:

http://www.bienchezsoi.info/?p=414

http://papodebebe.rozenlandiababy.com.br/2009/11/o-vilao-bisfenol-bpa.html

http://www.otaodoconsumo.com.br/mamadeira-e-bpa


quinta-feira, 3 de junho de 2010

4ª Consulta ao Pediatra = REMÉDIO???!!!

Ontem fomos, como de costume, ao consultório do MD Ruy. E dessa vez saí da consulta contrariada, devo confessar: um chiado no pulmão e o Ruy receitou Berotec....

Os que acompanham o blog e me conhecem sabem da minha quase "aversão" ao tratamento com químicos (já mencionei aqui), então quando o Ruy começou a me explicar sobre a virose no pulmão do Téo e a necessidade de nebulizar com Berotec meu coração disparou, meu primeiro pensamento foi "Nem fudendo!", e como de costume, após a consulta, a minha voz na consciência que também atende pelo nome de Cristiano me levou a ponderar algumas coisas...

A primeira pergunta que o Cris me vez foi, como sempre, uma facada no rim: "Tu não confia nele?" De fato, até agora o Ruy nunca tinha me dito nada que eu não concordasse, então a confiança não tinha sido testada, e devo confessar que a explicação para o uso do remédio foi excelente... E também não posso negar que o Téo está realmente respirando diferente, não chega a ser com dificuldade, mas achei diferente. Segundo o Ruy, essa virose pode ser inclusive causada pelo vírus da gripe comum que num aparelho respiratório tão pequeno e delicado como o de um bebê afeta os pulmões mais rapidamente.

Entrou em cena também mea culpa: saímos demais com essa criança! Não é impossível que ele tenha tido contato com algum vírus e tal. Quase todos os dias vamos ao super (ou na Leroy Merlin, sabe como é casa nova né?!) e sempre no final da tarde, depois que o Cris chega do trabalho.

Tudo isso pra dizer que cedi. Já tínhamos o bendito remédio em casa por conta de uma crise do Cris há um tempo atrás, inclusive pela mesma razão tínhamos um nebulizador.

Então, vamos ao tratamento!

quarta-feira, 26 de maio de 2010

Frio ou calor?

Mais um desafio na vida de mãe: seu bebê tá com frio?

Nessa semana notei que o Téozinho maio resfriado, além do nariz meio entupido (continuo a limpar com rinosoro) ele anda tossindo, uma “tosse de cachorro” como se diz. Como isso aconteceu? Não sei bem mas tenho uma teoria. É quase impossível saber se ele tá bem agasalhado, o Téo sua com facilidade (igualzinho ao pai dele!) e se irrita com isso, ou seja, por várias vezes eu pus uma roupinha mais quente nele e tive que tirar depois dos protestos, o que acaba expondo ele a uma mudança brusca na temperatura.

Minha estratégia tem sido usar sempre calça e camiseta tipo pijama som um tip-top por cima, tudo de algodão, sem muita lã ou similares, e o cobertor de soft. Assim faço uma base quente e posso acrescentar um casaco ou pantufa ao longo do dia sem expor ele a quedas bruscas na temperatura.

Mas será que tem algum jeito da gente ter certeza que acertou? Bueno... se guiar pela temperatura das mães está fora de questão, pois elas são sempre mais frias do que o restante do corpo (isso vale para todos os bebês) por estarem mais expostas e serem extremidade, eu faço a “prova real” pondo a mão na barriga dele, digamos que no centro do corpo. Algumas pessoa indicam a parte de trás do pescoço. Outra dica recorrente é usar no bebê sempre “uma roupa a mais” do que tu mesmo está usando, por ex., se tu tá confortável com uma calca e camiseta maga curta o bebê veste calça mais quentinha e camiseta de manga comprida.

O pescoço acho até que pode funcionar, o princípio é o mesmo da barriga, já a segunda dica acho mais complicada, eu por exemplo sou super friorenta, to sempre mais agasalhada do que o restante da população, será que posso servir de parâmetro? Um pouco nessa onda acho que acabei sufocando meu pequeno ‘bebê tocha” kakakakak

quarta-feira, 19 de maio de 2010

Acessórios para a mamãe

Hoje a tarde recebi a bomba tira-leite que tinha encomendado pela internet. Já estou preparando meu kit para a volta ao trabalho, e um bom extrator de leite é fundamental.

Já comentei aqui sobre as orientações que recebi sobre a ordenha de leite no Banco de Leite do Fêmina, o melhor é iniciar com a ordenha manual, mas eu optei por uma bombinha por que tenho realmente muito leite e uma teta "desgovernada" que não pode ser estimulada por muito tempo, então a bombinha é a forma mais rápida de tirar leite suficiente para o Téo sem descontrolar a teta.

Optei por uma bombinha BPA free da marca Medela por não ter nenhuma parte de borracha. Os extratores que são vendidos nas farmácias, com aqueles bulbos de borracha, são bons para aliviar o peito, mas não para tirar leite para o consumo do bebê pois as partes de borracha são difíceis de serem limpas adequadamente (eu acho impossível na verdade...). Escolhi o modelo manual, mas dessa mesma marca existem os elétricos.

Comprei a minha na Loja do Bebê, que recomendo, pois tive problemas com a finalização da compra no site e na mesma hora recebi uma ligação deles orientando sobre o que fazer, achei bárbaro.

Em Porto Alegre, existe uma empresa que trabalha com o aluguel das versões elétricas dessa marca chamada Leite do Bebê, as gurias são super atenciosas e oferecem tipo uma "consultoria" em casa para que está precisando tirar leite para voltar ao trabalho ou está com o leite empedrando. E também oferecem as peças de reposição da Medela e outros acessórios bem legais.... tudo BPA free!!!

segunda-feira, 10 de maio de 2010

Minha estréia no dia das mães!

Ontem foi dia das mães, o meu primeiro. O mais emocionante desse dia foi ter a noção de que agora faço parte de um grupo muito especial de mulheres, estou agora incluída num círculo que tem como participantes pessoas que admiro muito como a minha tia Emídia e a minha mãe. Me sinto lisonjeada!!!

E de quebra ainda ganhei presente! Eta vidão!!!

Fiquei só imaginando daqui uns anos que ganhando aqueles pequenos tesouros feitos pelo meu pimpolho!!! Mal posso esperar!!!

quarta-feira, 5 de maio de 2010

3ª consulta ao pediatra

Seguindo a rotina de um recém nascido nosso pequeno Teodoro visitou ontem o MD Ruy.

Tudo segue na mais santa paz... O Teodoro está com 5,390Kg e 58 cm!!

Reparem amigos, ele cresceu 3cm!!!

É o meu pivô!! kakakakakaka

sábado, 24 de abril de 2010

Casa nova, quarto novo e dormindo sozinho.

Bom gente, vcs devem ter notado que nesse mês pouco pude escrever aqui no blog. Várias são as razões, além da rotina alterada com a chegada do Téo e a falta de internet em casa estamos nos mudando para Canoas!! Nossa casa foi entregue na última sexta (16/04) e nessa quinta nos mudamos definitivamente! Está sendo a maior correria, estou agora sentando no meio de um monte de caixas sem saber bem por onde começar! A única coisa pronta é o quarto do Téo, que modéstia a parte ficou lindo!


A Vovó Zilá deu o conjunto de berço, o Vovô Hércio veio pintar as paredes no feriado e já colocamos os móveis. O Teodoro já dormiu lá duas noites e parece ter gostado bastante.

Aqui mais um ponto “polêmico”: sim, o Teodoro dorme sozinho no quarto dele e com a luz apagada. Crueldade? Kakakak Acho até graça! Primeiro, nada mais confortável e seguro do que a cama dele, dormir com os pais representa um dos maiores fatores de morte na primeira infância, não tenho os dados aqui de cabeça, mas li em algum lugar que “muitos porcentos” de crianças morrem anualmente sufocadas pelos próprios pais durante o sono (estatística confirmada pela minha irmã-expert em saúde Desirée ;). Segundo, quem precisa da luz acessa somos nós, os pais, o Teodoro não vai se levantar da cama e ir até o banheiro e quando acordar a noite, tanto faz se está claro ou escuro ele vai chorar pra alguém ir atendê-lo. O Teodoro dorme só com a luzinha da babá eletrônica, que deixo ligada justamente pra eu saber onde está a cama quando entro no quarto. E só. Terceiro, papai e mamãe também precisam de descanso e privacidade, quando ele dorme é o momento em que eu e o Cris podemos conversar, ver TV, ou simplesmente ficar abraçadinhos até pegar no sono. Procedimento saudável para toda a família ;)

sexta-feira, 16 de abril de 2010

Fraldas de pano: nova tentativa!!!

Ontem fizemos mais uma tentativa de usar nossas amadas fraldas de pano... e não deu ainda...

Como vocês podem ver, o Téo ainda não tem coxas suficientes e acaba vazando o xixi todo pelas perninhas. Dessa vez ele até fez um cocô também e devo dizer que não foi nada assustador lavar uma fraldas cagada: tirei o excesso de cocô na água corrente e deixei de molho a fralda um pouco, depois lavei normalmente na máquina junto com as outras roupinhas dele (uso vinagre para enxaguar as roupas e assim tirar todo o sabão) e pronto! Sem mistérios...

quinta-feira, 15 de abril de 2010

O bom de estar em casa...

A licença-maternidade tem inúmeras vantagens, mas uma das mais deliciosas é poder simplesmente ficar olhando pra carinha do meu filhote!!

Hoje fiz uma sessão de closes dele, tô de fato apaixonada!!!


terça-feira, 13 de abril de 2010

O famigerado bico!!!

Fomos vencidos pelo cansaço: compramos um bico para o Téo no último domingo...
Mesmo acreditando não ser a coisa mais saudável tivemos que dar um bico para o Téo paradoxalmente em nome da "saúde" dele: na última consulta ao pediatra conversamos sobre os “gemidos” do Teodoro, o pouco que ele fica acordado passa fazendo um barulhinho que lhe rendeu o apelido carinhoso de “motorzinho”. Como ele mama praticamente de hora em hora (no máximo 1:30) o médico nos aconselhou a espaçar mais as mamadas, e, após examine clínico, receitou Luftal, afirmando que esses gemidos seriam reflexo do desconforto provocado pela barriga sempre cheia, e que inclusive a vontade de mamar muito seguido seria também reflexo do desconforto, pois mamando ele se sente aliviado. Ou seja, um ciclo sem fim! Hehehehe
No mesmo dia compramos o luftal, mas seguimos resistentes ao bico. Mas na noite de sábado e na manhã de domingo o Téo deu mais um show: chorou por peito a cada 40min!!! Antes que me perguntem: já sei identificar os choros dele, e além de utilizar a famosa intuição de mãe, observamos que ele chorava mesmo estando com as fraldas limpas, tendo feito cocô normalmente e etc, e se acalmava “milagrosamente” no peito, com o agravante de que em algumas vezes nem mamava muito, ficava apenas com o seio na boca.
Pra completar, nessa mesma noite de sábado para domingo o ronco no nariz apareceu. O MD Ruy tinha receitado ainda na maternidade Rinosoro, dizendo que era possível que ele tivesse secreção nasal. Levou um certo tempo, mas ele acertou e a secreção apareceu, aplicamos o rinosoro e ele dormiu um pouco melhor. Além disso, fizemos um certo mea culpa: nós saímos demais com esse guri. Ele já pegou até chuva, tá sempre na rua quando escurece, além dos lugares com ar-condicionado. Nessa semana faremos uma pausa nos passeios.
Voltemos ao bico.
Depois de toda essa explicação vai ficar mais fácil entender porque cedemos e acabamos comprando o bico. De fato o Téo com o famigerado espera pelo menos 2h para a próxima mamada, e também agora que ele tá com o nariz entupido respira “melhor”com o bico na boca, pois usando aquele troço ele acaba respirando pela boca e consegue dormir (é o mesmo efeito do colinho de pé, o nariz desobstrui, só que esse último cansa mais e dura pouco porque ele dorme melhor deitado...)

Mas porque temos tanta resistência ao uso do bico? Podia transcrever aqui centenas de pesquisas científicas que conheço além da recomendação do Ministério da Saúde, mas prefiro a resposta simples: por que o bico não é algo indispensável na vida criança. Já parou pra pensar como a tua bisavó fazia para acalmar os bebês? (Aliás, muitos bebês, uma vez que a média era de 4 filhos por casal até o final do século passado) Com atenção. O bico é um engodo. É uma "necessidade" dos pais e não da criança. É por preguiça nossa que damos um bico pra um bebê, é muito mais prático dar o bico do que descobrir o que realmente a criança precisa. Eu me sinto muito egoísta dando o bico para o Teodoro.

Bueno... infelizmente o bico entrou para a série de equipamentos do Téo. Mas por tempo determinado e com regras bem claras: ele só leva o bico deitado na cama, sem essa de ficar chupando aquilo o tempo todo. Aliás, esse é um outro "pré-conceito" meu: tenho maior nojo de bico pendurado em roupa de criança, aquilo fica encostando em tudo e depois pluft na boca. Arghhh! Nesse caso nem adianta vim me dizer que se passa uma água antes de dar, porque, primeiro, passar água depois de rolar por vários lugares nem adianta e segundo, não se faz isso sempre, nem mesmo as mamães mais atentas.

Como disse antes, não vou nem comentar aqui os problemas relacionados ao uso de bicos e chupetas, acho que todo mundo já cansou de ouvir: dificuldade na respiração, má formação dos dentes, má formação no palato bucal, atraso no desenvolvimento da fala e etc... Mas, se alguém conhecer motivos fortes o suficiente para que eu mude de ideia, por favor me avise ;-)

sábado, 10 de abril de 2010

Doar leite: RECOMENDO!!!

Ontem (09/04) fui pela primeira vez ao banco de leite. Continuo com os seios produzindo muito leite e tenho feito ordenhas para tirar o excesso, mas jogo fora o leite. Acho isso um verdadeiro pecado, então decidi doar o que temos tanto!

Fui no Banco de Leite da Santa Casa de Misericórdia aqui de Porto Alegre. Na verdade utilizei o posto de coleta deles no Hospital Conceição, que fica dentro do complexo da Santa Casa. Fui atendida por uma Atendente de Nutrição muito simpática. Na chegada é preenchido um pequeno cadastro com dados básicos e é solicitado o cartão gestante ou pra que não tem como eu, os últimos exames de sangue do pré-natal. Após o cumprir a burocracia fui orientada sobre o procedimento de limpeza das mãos e dos seios, vesti touca, avental e máscara e fiz a ordenha com auxilio do extrator a vácuo.

Achei tudo muito legal! Deixei lá um vidrinho cheio, com aproximadamente 100ml. Foi bem rápido. A Desi foi comigo e ficou com o Téo no lado de fora aguardando.

O mais legal foi saber que esses 100ml, que pra mim a princípio parecia tão pouco, pode alimentar até 10 prematuros!!! Isso mesmo:10!!!! Disse-me a atendente do banco de leite que maior parte do leite coletado é para alimentar bebês prematuros cujas mães ainda não produzem leite, e que esse pitoquinhos consomem entre 5 e 8 ml de leite por mamada! Fiquei verdadeiramente emocionada: no pouquinho que me dispus ajudei a salvar vidinhas tão frágeis quanto preciosas!

Por isso recomendo a todas as recém mães: DOEM LEITE!!! Olhe para a carinha satisfeita do seu bebê logo depois de mamar e pense que com o que sobra tu pode fazer mais um bebê crescer forte e saudável!! Isso não tem preço!!!


Maiores informações, pra quem está em Porto Alegre:

Banco de Leite Humano
1º andar do Hospital Santa Clara, junto à Maternidade Mário Totta.
Horário de funcionamento: diariamente das 7h às 19h, inclusive nos sábados, domingos e feriados.

Posto de Coleta de leite Humano
6º andar do Hospital da Criança Santo Antônio
horário de funcionamento: de segunda a sexta-feira das 7h às 19h; sábados e domingos das 7h30min às 12h e das 13h às 18h30min.

Telefones: (51) 3214-8284

Pra quem não está em Porto Alegre a FIOCRUZ organiza a Rede Brasileira de Bancos de Leite, no link abaixo é possível consultar os bancos de leite por estado:

Outra opção e se informar na maternidade mais próxima da tua casa!!!

sexta-feira, 9 de abril de 2010

Banho de balde!!

Ontem (08/04) o Téo tomou o seu primeiro banho de balde! Compramos um balde comum, pois o que é vendido como “Ofuro para bb”, a Tummy Tub custa uns 150 pilas!!! O único cuidados que tomamos foi de não usar esse balde para mais nada, ele é exclusivo para o banhinho do Téo.

Olha só a carinha dele!!
Foi bem legal, nós ficamos meio inseguros no início, mas ele parece nem ter notado ;)

P.S.: esse balde é da Sanremo, compramos no supermercado mesmo, e tem capacidade para 15 litros.

quarta-feira, 7 de abril de 2010

Ser mãe é: admirar escatologias!

Mais uma boa da fase mãe: de repente, de ser humano avesso a escatologias você passa a torcer pra ver um cocô!!!! E o pior se vê batendo palmas e comemorando cada peidinho do seu pimpolho!!!

Cocôs, peidos, vômitos: parece nojento? Os dos outros seres sobre a terra pode até ser, mas os do Téo são LIN-DOS!!!! kakakakaakakakakak

terça-feira, 6 de abril de 2010

2ª consulta ao pediatra

Logo após completar 1 mês o Téo voltou ao consultório do MD Ruy e as coisas continuam progredindo a toque de caixa: ele está pesando nada mais que 4,450Kg e medindo 55cm!!!

Só pra lembrar: na última consulta, quando ele tinha 8 dias ele estava com 3,180kg e 50,5cm, ou seja, em 1 mês ele cresceu 5 cm!!! Esse é o meu pivô hehehehehe


Já fazia alguns dias que o Téo estava fazendo um barulho tipo "motorzinho" e contamos isso ao Ruy, que nos explicou que poderia ser sinal de algum desconforto, provavelmente um certo "excesso" de leite. Explico melhor: como o Téo mama de hora em hora, pode ser que em algumas vezes não dê tempo suficiente para o estômago dele digerir o leite. Claro que o leite materno é de fácil digestão, mas o Téo ainda está aprendendo a se "satisfazer" o que em algumas ocasiões pode gerar um certo "acúmulo", que, inclusive, pode causar as tão temidas cólicas.

A orientação do Ruy foi tentar espaçar um pouco mais as mamadas, sem horários rígidos ou coisa que o valha, mas dando um tempinho maior. Ele sugeriu inclusive o uso de um bico, coisa que achamos que não será necessário...

Nessa tive que "confessar" que cada vez que o Téo geme um pouco mais eu tasco-lhe a teta! O Ruy mesmo dizendo que isso não tem problema nenhum (desde que eu aguente o ritmo), ponderou que as vezes o Téo pode não estar necessariamente com fome, mas com vontade de mamar, pois afinal é algo que lhe dá prazer ;)

Mesmo com essa orientação o Ruy deixou claro que não é nada "preocupante" e que possivelmente o próprio Téo vai "orientar" esses intervalos entre as mamadas em breve. Mais uma vez, a paciência e a persistência entram em campo ;-)