terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

E o dia do "Tchau, Mamãe" chegou...

Sentimentos dúbios me dominam nessa manhã de terça-feira...

Explico: hoje fui com o Cris deixar o Téo na escolinha e ele pulou no colo da profe Paty e me deu tchau.

Sorte minha que ele ainda não fala "tchau", senão seria pior!!!!!

Por conta da cirurgia que o Cris fez no joelho fiquei uma semana encarregada de levar o pequeno na escola. Nos primeiros dias ele se agarrou no meu pescoço como se eu fosse fugir, teve até um pouco de choro. Mas tudo bem, a profe me garantiu que depois de fechada a porta a coisa ficava mais tranquila. Nos três últimos dias da semana passada o "sinal amarelo" do meu coração acendeu: ele já não mais relutava para ir com a profe.

Mas hoje foi demais! Mal ela cumprimentou a gente ele pulou no colo dela e começou a balançar a mãozinha!

"Como assim tchau meu filho??? Não quer mais ficar com a tua mamãe???!!!!"

Ai... Ai... Ai...

Brincadeiras a parte acho que esse é um momento muito importante para o Teodoro, não faz nem um mês que ele frequenta a escola (vai completar na sexta, 18) e ele se sente seguro lá. E mais: já aprendeu que nós vamos voltar para buscá-lo, que ele não está sendo abandonado.

Ver um filho crescendo seguro e confiante: isso sim "acaba" com o coração de uma mãe ;-)

2 comentários:

Thaty disse...

Meu mais velho foi pra escolinha com 2 anos e chorou um mês inteiro, foi um suplício. Ele ia chorando o caminho todo. Mas depois que entrava... pronto, acabou! Eu fiquei muito feliz no dia em que ele passou a me dar tchau!rs

Beijos

Elaina disse...

Sei como se sente…passei por isso 2 vezes pois tenho 2 meninos.
Sempre disse que quando se fala em adaptação é mais pras mães que pros nossos filhos!!!
Mas é assim mesmo, daqui um pouco vc se acostuma e acaba até gostando desse tempinho pra vc.
E não se preocupe, sei que nosso coração fica pequeno mas é bem melhor assim pra ele, pois canso de levar meus filhos à escola e sempre tem criança chorando… e eu prefiro deixá-los bem que ter que sair com eles chorando!