quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

O "suco" de côco mais fofo do mercado!

Teodoro comendo um "papázinho" tranquilo e tomando água de côco. De repente, ele me olha e indaga sobre o suco: "E naranja mamãe?", respondo "Não filho, é de côco".
Aí ele lança esse rico beiço pra repetir o sabor do "suco".
Não resisti e tive que pedir pra ele repetir e filmar!!!

video

Não é o "suco de côco" mais lindo que tu já viu?!
;-)

quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

1 ano e 10 meses depois (daddy updates ;o)

Apenas para complementar o post anterior da mamãe, seguem aqui mais algumas coisas que o Teodoro, com 1 ano e 10 meses já consegue fazer (note que algumas coisas aqui descritas são absolutamente normais para crianças dessa idade, mas quem se importa? Sou um pai babão e pra mim tudo é lindo hehehe):

- ele já pede ajuda quando não consegue fazer algo. "Aiuda mamãe" ou "aiuda papai" não são raros. Final de semana passado, na praia, ele subia e descia os degraus entre a casa e o pátio tranquilamente. Meu pai olhava ora temeroso, ora embasbacado na desenvoltura dele fazendo aquele processo. Passados uns minutos ele me apareceu com 5 bichinhos no colo, e não conseguia se apoiar pra descer. Antes que pudéssemos dizer qualquer coisa ele levantou os olhos e lançou: "Aiuda vovô". Comentei com ele: "Como é que se pede meu filho?". Resposta: "Pô favoiê vovô". Nem preciso dizer que meu pai quase chorou né?!

- por falar em comer sozinho, ele é ambidestro. Segura a colher com ambas as mãos perfeitamente;

- a quem ele puxou por ser teimoso? Eu????? (huahuauhau) Esses dias ele insistia que um presente dado pelo papai foi na verdade dado pela mamãe, e não houve Cristo que o convencesse do contrário :p

- no relato da escola, não podemos esquecer o futebol com o Ricardinho ;o)

- ele já mostra uma certa personalidade "difícil?" herdada do papai. Se tu por exemplo pede para ele te alcançar o chinelo, tens que botar (afinal, ele não é bobo). Enquanto tu não colocares ele fica no teu lado: "Bota papai, bota chineio, bota"

- além de reconhecer parentes nas fotos, ele já reconhece lugares. "Casa da dinda", "casa da vovó", "escolinha". Antes de chegar no destino ele já é capaz de identificar o caminho :P

- fala pelos cotovelos, tipo alguém que eu conheço ;o) Costumo dizer que o Téo fala como a mamãe e come como o papai :p

- não o acostumamos com doces e refrigerantes, ou melhor, ele ainda não os experimentou (e continuará assim enquanto formos somente nós os responsáveis pela sua alimentação). Em contrapartida, é a coisa mais linda do mundo ele pedindo "cuco" (suco): "Cuco, cuco papai, cuco"

- assim como a dinda Desi, o guri é "viciado" em tomates. Sem falar que não tem "tempo ruim", come abóbora, grão de bico, pimentão, pepino, cebola, mel, amora, ameixa, pedra, tijolos, cimento... :p

- ele "geralmente" esquece (criança afinal), mas quando lembrado, ele já manda "Obrigado" e "Por favor" de uma maneira que tu quase chora de emoção ;o)

- continua simpático; ele simplesmente não desce do ônibus sem dar tchau e mandar beijo para o cobrador e para o motorista. Se tiver uma vovozinha no banco da frente, tb ganha no mínimo, um sorrisão.

- já canta as suas músicas preferidas (musiquinhas do Sapo cururu, Galinha pintadinha, Pombinha branca, etc). Claro que não saem as palavras perfeitas, mas é o suficiente para identificar qual música ele está cantando.

- ele para tudo o que estiver fazendo para assistir ao canal de clipes com a mamãe. Já teve a fase do "I do, I do, I do do do do do do do do do" da Colbie Caillat. Agora está na fase do "Nothing at all uh uh uh uh uh" The Lazy Song do Bruno Mars pois ele adora o clip dos macaquinhos dançando.

- ele já entende bem e já tenta manipular tanto papai quanto a mamãe com suas expressões. Quando ele sabe que aprontou alguma, faz uma carinha de cachorro pidão que é de partir o coração (mas fazer o que né, tem que educar).

- ele é muito obediente. Banho, por exemplo, ele não gosta (como qualquer criança), até sentir o primeiro jato d'água. Mesmo assim, ele vai chorando para o banheiro dizendo "não, não" mas já tirando a roupa hehehe.

- ele já "disputa o território Mamãe" com unhas e dentes. Duvida? Então dá uma olhada...

Huahuahuahuauhu. Tem como não amar?

terça-feira, 3 de janeiro de 2012

1 ano e 10 meses depois...

Amigos,

Em quase dois anos de via extra-uterina o Teodoro já deu muita notícia! Nunca achei que fosse possível um amor desse tamanho e a cada dia me surpreendo mais com esse guri. E como diz meu sogro: "Dá pra imaginar que a gente vivia sem esse aí?". Não, não dá! Minha vida antes do Téo foi boa, mas após o Téo ela é ótima!!

Parece que foi ontem que escrevi o primeiro post desse blog contando as loucuras de se descobrir grávida, e ontem esse pitoco completou 1 ano e 10 meses! Logo começaremos os preparativos para a festinha de 2 anos!

Nos últimos meses nem pude atualizar direito o blog com as peripécias do Teodoro então resolvi listar algumas das "habilidades" que ele desenvolveu nos últimos tempos:

* fala muito e bem! Já constrói frases bem elaboradas, usando até uns tempos verbais corretos algumas vezes, tipo "mamãe consegue" e "não consigo".
* já come sozinho, apesar de ter um cadeirão ele gosta mesmo é de usar a mesinha de centro e uma cadeirinha. Adora comer qualquer coisa no potinho, e se for de colher melhor!
* é teimoso, e tem a quem puxar!
* sabe o lugar de tudo dentro de casa;
* já sabe identificar o "carinha verde" do sinal para atravessar a rua;
* chega da escola e conta o que fez, geralmente o relato é sobre o papá, a Antonela e a Angelina.
* caminha na rua com segurança, às vezes quer dar umas paradas meio "longas" para fazer carinho nas plantinhas e passarinhos desavisados, mas no geral é tranquilo.
* já sabe alcançar as coisas em casa, é só pedir: "Téo alcança o controle pro Papai?" Ele responde: "Tá bom!" e traz direitinho. O melhor disso é a carinha de "dever cumprido" dele!
* sabe guardar os sapatos na gaveta e as meias também.
* continua acordando de bom humor, apesar de alguns dias fazer uma manha por não querer andar de "ô-bí" (leia-se ônibus), mas aí é compreensível né gente?
* reconhece e nomeia os parentes e amigos nas fotos.
* ganhou um notebook do Bob Esponja no Natal e já sabe onde fica a letra "L", só por conta da maquininha dizer "LOBO".
* continua um ótimo dançarino, agora incluiu nas coreografias algumas reboladinhas!
* é muito carinhoso, gosta de beijinhos e "lança" beijos aos passantes na rua.
* conta até dez, sua ocasião predileta para abrir contagem é subindo escadas.

Não é um amor esse meu gurizinho?
Olha ele aí fazendo seu inconfundível sorriso de foto na ida pra escola hoje cedo:

Te amo pitoco!!!!