quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Fraldas de pano: opção consciente e inteligente.

Logo no início da gestação decidimos não usar fraldas descartáveis. Maioria das pessoas ao nosso redor, ao saber dessa escolha ficou espantada: “Nossa, porque?????” Desconfio que alguns até pensaram em nos oferecer dinheiro, tipo, “eles tão na merda e terão que sacrificar a pobre criança...”. Outra parcela, não menos espantada, praguejou: “Deixa ele nascer que vocês vão mudar de idéia”.


Bueno, o tempo passou e cada vez mais me convenço que estamos fazendo a melhor escolha. Uma criança em dois anos de vida usa, nada mais, nada menos que 5.500 fraldas descartáveis.
Isso mesmo 1 criança = 5.500 fraldas.
Considerando que cada fralda leva em média 450 anos para se decompor no meio ambiente esse lixo levaria algo em torno de 2.475.000 anos!!!! Isso é mais do que toda a era cristã!
Parece exagero? Não acho. Eu não acredito que o mundo vai acabar em 2012 e gostaria muito que meu filho pudesse desfrutar de algumas coisas belas como a praia, árvores e etc.
Parece pouco? Também não acho. Se 1 em cada 10 seres humanos que vivem sob o planeta terra adotasse uma, uma mísera e pequena atitude em prol do meio-ambiente poderíamos reverter séculos de degradação. Acredito nisso e procuro fazer a minha parte, e também pretendo ensinar meu filho a fazer isso.


Vou destacar alguns pontos, que a mim parecem cruciais nessa escolha:


* fraldas de pano são reutilizáveis, têm um tempo de vida útil para 2 crianças (eu pretendo ter mais de um filho, portanto...)
* a produção de fraldas de pano não implica o abate massivo de árvores (milhões de árvores são todos os anos abatidas para serem utilizadas na produção das fraldas descartáveis, para não falar do petróleo que também entra na sua composição)
* a suavidade e o conforto que proporciona o algodão das fraldas de pano está bem longe do das fraldas de plástico, além de trazer benefícios para a saúde do bebê, livrando do contato com a química que contém nas fraldas descartáveis (que são feitas de papel (= árvores) alvejado e plástico e contém ingredientes como: metais, surfactantes, desinfetantes, fragrâncias, bactericidas, fungicidas, gel absorvente, colas e organocloretos entre outras coisas que nem sei de onde vêm).
* as fraldas descartáveis são o terceiro maior consumidor de espaço nos aterros.
* financeiramente é incomparável o valor das fraldas reutilizáveis que podem ser utilizadas pelo menos 2 crianças versus 5.000 fraldas descartáveis.


Outra questão bastante clara pra mim: o lixo não some depois que o caminhão passa. O bendito caminhão do lixo leva esses dejetos para algum lugar, e esse lugar geralmente inclui pessoas.
Isso mesmo, não posso ignorar o fato de que esse mundão de lixo que produzimos pode ser descartado direta ou indiretamente na “casa” de alguém, ou que na próxima chuvarada esse lixo faça transbordar um arroio, córrego ou rio dentro da casa de alguém. Pode até nem ser a minha, mas trata-se de outro ser humano e não posso ignorar isso.


Os menos céticos fizeram uma boa questão: e o gasto de água? Lembro a todos que o esgoto DEVE ser tratado, é obrigação do estado. Em Porto Alegre, 27% do esgoto é tratado (número pífio, mas que cresce a cada ano), portanto, já estamos em vantagem com relação as descartáveis, que lembro, não podem de forma alguma ser recicladas. Ou seja, a água que usarei para lavar as fraldas do Teodoro poderá (e deverá) ser devolvida a natureza limpa. A única coisa que me preocupa agora é se em Canoas terei esse serviço, se não tiver será minha próxima bandeira na eleição municipal. Transferirei meu título e vou atrás de um candidato a vereador que possa apresentar esse projeto (caso ele ainda não exista, tenho que me informar melhor...).


O que ninguém mencionou foi a economia!!!! Alguém aqui já viu quanto custa um pacote de fraldas? Em média R$ 15,00. Considerando um gasto médio de 3 pacotes por semana (lembro que faço média, pois dependendo da fase dá bem mais...) seriam R$ 45,00 por semana e R$ 180,00 por mês!!!!! Com as de pano gastarei algo em torno de R$ 30,00 para comprar 50 fraldas prontas + R$ 200,00 para comprar as fraldas modernas (que substituem com louvor as calças plásticas, pois vão na máquina! veja em www.fraldabonita.com.br). E deu. Gasto R$ 250,00 uma vez só!!! As fraldas de pano duram mil vezes mais, e mesmo que eu tiver que substituí-las em 6 meses já terei economizado módicos R$ 830,00!!!


Enfim...


Tudo isso pra dizer que sim, usaremos fraldas de pano. O máximo que pudermos, pelo menos enquanto o Teodoro estiver em casa (comigo ou uma babá) esse vai ser o esquema, vamos economizar dinheiro e contribuindo para o equilíbrio da natureza.


Acha que não? Diz que duvida.... hehehehehe

Um comentário:

Spk disse...

APOIADA!!! E tenho dito ;o)